Como funciona a colheita de café?

0
11
Como funciona a colheita de cafeŐĀ_
Como funciona a colheita de cafeŐĀ_
5/5 - (2 votes)

Como funciona a colheita de café?

Você adora um café quentinho logo ao acordar ou no final da tarde? Veja como funciona a colheita, processo que pode ser feito de diferentes formas

O caf√© √© a segunda bebida mais consumida no planeta, ficando atr√°s apenas da √°gua. Em diferentes culturas, distribu√≠das em v√°rias regi√Ķes do mundo, √© poss√≠vel encontrar diversas formas distintas de produzir e consumir essa bebida origin√°ria da Eti√≥pia.

Publicidade

Produzir um bom café envolve diversos fatores. Além do clima, das técnicas de cultivo e da altitude, é preciso escolher bem o grão de café e saber como manter a planta até que ela dê os frutos.

Por fim, a √ļltima etapa √© a colheita. Voc√™ sabe como √© esse processo complexo que ocorre antes de o caf√© chegar quentinho √† sua mesa? Confira mais cada uma das etapas dele a seguir.

A colheita

Assim como em outras etapas, a colheita demanda preparação e planejamento. Afinal, esse processo envolve uma logística complexa que precisa ser bem ordenada para não deixar o produto estragar nem ser colhido antes da hora.

A colheita envolve fatores sociais e econ√īmicos e influencia diretamente na qualidade do produto. Embora o per√≠odo da colheita possa mudar de acordo com a lavoura, no Brasil, ela costuma ocorrer entre abril e setembro, intensificando-se entre junho e agosto.

O primeiro fator a se reconhecer √© a √©poca ideal para a colheita. Ela est√° sujeita a fatores relativos ao terreno e √† lavoura, al√©m de outros como n√≠vel de pluviosidade, sistema de plantio, tipo de solo, n√≠vel de exposi√ß√£o ao sol, ondula√ß√£o do solo e dist√Ęncia entre os p√©s. Todos esses impactam a qualidade dos frutos produzidos.

O ideal é que a colheita ocorra quando eles estão mais uniformes (nem verdes nem em estágio pós-maturação). A cor verde costuma indicar desgaste do cafeeiro, enquanto o segundo sofre fermentação excessiva. A fruta café normalmente deve apresentar uma coloração cereja para ser colhida, mas vale dizer que algumas espécies de café podem estar maduras ao obter uma coloração amarela.

Colheita manual

Esse é um tipo de colheita que pode ser seletiva ou por derriça. A primeira ocorre quando as cerejas estão maduras (e são descartadas as cerejas verdes). Com a desigual maturação dos frutos, esse tipo de colheita garante um café de maior qualidade e consistência, exigindo a participação de muitos profissionais.

Já a colheita por derriça consiste em recolher todos os frutos do galho independente do estágio de maturação. Contudo, é frequente ser realizada em grupos que amadurecem mais uniformemente. Nesse método, os frutos são recolhidos e selecionados após caírem sobre um pano ou tela que são estendidos no chão.

Colheita semi-mecanizada e mecanizada

Essa colheita é feita a partir de derriçadeira motorizada manual. Os trabalhadores envolvidos diretamente com a coleta utilizam essa ferramenta para balançar os galhos dos cafeeiros, fazendo com que os frutos mais maduros se desprendam da árvore.

Já a colheita mecanizada é feita por grandes máquinas, que podem ser colhedoras ou derriçadeiras. As primeiras podem ser automotrizes (com propulsão própria) ou tracionadas (acopladas a um trator).

Com a colheita mecanizada, pode-se fazer uma escolha seletiva mec√Ęnica, a partir da regula√ß√£o da velocidade de deslocamento e a intensidade de vibra√ß√£o das varetas. Esses recursos ajudam a coletar os frutos do topo da planta, que amadurecem mais r√°pido. J√° as derri√ßadeiras s√£o usadas em apenas um dos lados do cafeeiro.

Pós-colheita

Ap√≥s a colheita, vem a etapa de processar os frutos, que serve para retirar as impurezas presentes e manter apenas as caracter√≠sticas saud√°veis dos frutos. Existem basicamente dois m√©todos de processamento: via seca e via √ļmida.

A primeira é a mais adotada no Brasil e consiste em: antes mesmo de ser colocado para secar, o café passa pelo lavador e os grãos são separados de acordo com a densidade.

O principal objetivo do processamento seco é reduzir a umidade dos grãos a até 40%. Uma forma simples de diferenciar os grãos por qualidade é: cafés cereja e verde (de maior qualidade) afundam e o café que já perdeu umidade no pé flutua. O café é colocado sobre terreiros de cimento que recebem luz e à noite recebem proteção contra o orvalho. Por fim, o café é levado para secadores e sai com casca.

No processamento via √ļmida, os frutos t√™m a sua casca retirada. O caf√© √© ent√£o levado para uma secagem cuidadosa, com um revestimento especial para impedir que os gr√£os sejam contaminados por impurezas.

Publicidade

Deixe seu coment√°rio:

Por favor digite seu coment√°rio!
Por favor, digite seu nome aqui