Como montar um ambiente confortável para o pet na área externa da casa

0
149
Como montar um ambiente confortável para o pet na área externa da casa
5/5 - (4 votes)

Como montar um ambiente confortável para o pet na área externa da casa

 

Saiba como garantir que o espaço seja seguro, confortável e saudável, independentemente do tamanho do seu quintal, varanda ou garagem

 

Quem tem um bichinho de estimação sabe o quanto eles gostam de brincar e, por isso, é uma ótima ideia ter na sua casa um espaço preparado especialmente para isso. Ele pode ficar até mesmo na sala, mas se você vive em um espaço com área externa, como quintal ou jardim, melhor ainda.

 

Esse local pode ter brinquedos e também a caminha para que o pet se sinta seguro e tire aquela soneca. Também é importante que o animal esteja com a vacinação em dia e tome regularmente um remédio contra pulgas, porque ele provavelmente vai entrar em contato com plantas e outros animais, pelo menos insetos.

 

A ideia é criar um cantinho que seja pensado especialmente para o seu amigo e o tamanho desse espaço vai depender, especialmente, das dimensões da sua área externa. A boa notícia é que você pode fazer isso mesmo que seu espaço seja pequeno, como uma varanda ou até mesmo a garagem.

 

Ficou com vontade de preparar um espaço desse tipo na sua casa porque o seu pet merece? As dicas desse texto, com certeza, vão te ajudar. Prepare o caderno e anote as recomendações!

Pense na segurança

Uma das primeiras coisas que você deve considerar é a segurança do local escolhido. Se for o jardim ou o quintal, pense se não há rotas de fuga e garanta também que nenhum animal ou pessoa indesejada vá ter contato com o seu pet.

 

Além disso, é importante verificar se não há nada com o que o animal possa se machucar, como ferramentas, entulhos ou obras inacabadas. Instale mecanismos de proteção e guarde as coisas no alto, se for o caso.

Reforce a higiene

Outro fator essencial a ser considerado para qualquer local é a higiene. É importante que a área onde o pet circula seja limpa regularmente, para que ele não fique exposto aos parasitas que podem causar diversas doenças.

 

Também é essencial considerar as necessidades do pet. Isso quer dizer que os gatos precisam ter um caminho livre até a caixinha de areia e os cachorros, se não puderem fazê-las na grama ou terra, precisam de um tapete higiênico por perto.

 

Além disso, você deve considerar as condições climáticas. É recomendado que parte do espaço tenha um teto para que o animal e seus pertences não fiquem expostos à chuva, ao sol e ao vento. A ideia é que ele fique o mais confortável possível, não é mesmo?

Disponibilize água e comida

É uma boa ideia que o animal tenha água e comida disponíveis nesse ambiente pensado para ele, o que quer dizer que é uma boa ideia deixar os potes lá. Se não for possível ou adequado fazer isso, pelo menos água fresca deve ser disponibilizada sempre.

Enriqueça o ambiente

Enriquecer o ambiente nada mais é do que pensar em estruturas e objetos que estimulem o seu animal a brincar, como bolinhas, petecas, bichos de pelúcia e outros brinquedos. Compre alguns itens pensando no que o seu animal gosta e também em estímulos com os quais ele possa brincar também sozinho.

 

Se o seu pet é um gato, instale prateleiras, nichos, redinhas e locais onde ele possa subir. Se é um cachorro, invista em um canil ou pelo menos um espaço aconchegante para colocar a caminha. Disponibilizar uma cobertinha é uma ótima ideia.

Aproveite bem os espaços

Essa é uma dica especialmente válida para quem tem ambientes externos pequenos. Sabe aqueles cantinhos que não são usados? Lá pode ser o espaço do seu pet, é só fazer um bom planejamento. Caixas organizadoras são boas para manter a ordem. Móveis planejados também podem ser ideias interessantes.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here